Quem tem energia solar paga conta de luz elétrica?

Tempo de leitura: 4 minutos

A energia solar é uma das mais vantajosas ao meio ambiente, com geração de energia constante, ausência de resíduos e até mesmo baixa manutenção, tem sido a escolha preferida dos adeptos as fontes renováveis. Mas quem busca energia solar residencial tem outras preocupações, ajudar o meio ambiente é ótimo, mas como fica a conta de luz?

Para sanar essa dúvida trouxemos esse artigo, mas vale a pena salientar: contar com uma empresa profissional é essencial. O uso de energia solar é regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que cadastra os imóveis que utilizam os sistemas energéticos em seu banco de dados. Sendo assim, é importante contratar profissionais que irão te auxiliar em todo processo.

Energia solar, paga conta de luz?

A resposta curta é: Sim, não a conta toda é claro, só a taxa mínima de luz. Entenda:

O primeiro ponto a ser avaliado é o tipo de sistema instalado em sua residência. Os que ainda dependem parcialmente da energia elétrica municipal, pagarão apenas a energia utilizada. Isto é, com painéis solares, a conta de luz pode cair de 50% até 95%.

O segundo ponto a ser avaliado é o local da instalação, alguns Estados e Municípios podem conter algumas diferenças. Por isso, é importante verificar a legislação do local em que sua residência se encontra.

No mais, segundo a ANEEL, mesmo os sistemas totalmente independente da energia elétrica externa, são obrigados a pagar a taxa mínima de uso.

Taxa mínima de uso:

A taxa mínima de uso é o que eles chamam de “custo de disponibilidade”. Essa tarifa diz respeito ao sistema disponível, não propriamente a utilização dele. Por isso, por mais que você não utilize a energia elétrica de terceiros, você deve pagar pela infraestrutura disponível, e a utilização em lugares públicos.

A taxa mínima de uso é calculada com base na quantidade de fases de sua residência, ou seja, monofásico, bifásico e trifásico. Essa informação está disponível em sua conta de luz.

O valor para residências monofásicas é a taxa equivalente ao uso de 30 kWh;

O valor para residências bifásicas é a taxa equivalente ao uso de 50 kWh;

O valor para residências trifásicas é a taxa equivalente ao uso de 100 kWh.

Sendo assim, você deve pegar a tarifa atual (que é dada pela companhia em kWh) e multiplicar pelo “uso” mínimo correspondente ao número de fases da sua casa. Se a tarifa estiver, por exemplo, R$0,75 e sua residência for bifásica (como a maioria é), você deve multiplicar 0,75 por 50. Assim, a taxa mínima de uso seria algo em torno de R$37,50.

Então qual a vantagem?

A instalação de sistemas fotovoltaicos continua sendo extremamente vantajosa, mesmo com a taxa mínima de uso. Por exemplo, não estar sujeito às flutuações de preço, inflação e impostos, é ter um controle maior sobre sua conta. Um grande problema no modelo energético brasileiro é a grande variação a que estamos sujeitos.

O preço varia excessivamente, dependendo das intempéries, nunca sabemos o valor final da conta de luz, por isso, saber o valor que você vai pagar, e não se assustar no fim do mês é uma grande vantagem.

Outra vantagem é o sistema de compensação de créditos, se você produzir mais energia do que gastar, você pode gerar um excedente que é injetado diretamente no sistema elétrico da cidade, gerando créditos que irão lhe dar desconto no futuro.

Esses créditos podem ser utilizados no inverno, por exemplo, quando a conta está mais cara, abatendo o valor e reduzindo sua conta.

É importante ressaltar que embora o processo pareça longo, ele é, em grande parte, descomplicado. A diminuição na fatura é automática, e o cadastro é feito por profissionais, o cliente final não precisa se preocupar com nada.

Conclusão:

Energia solar é um investimento, a longo prazo o sistema irá dar lucros, ao médio e curto, irá se pagar e abater a conta de energia. Independente da burocracia proposta pelos municípios, a energia solar só acrescenta valor, por isso é a que mais cresce no Brasil e no mundo.

Sendo assim, é importante conhecer os pormenores, e procurar todas as informações possíveis. Então, se está em busca de mais informações, acesse nosso Blog para mais artigos. Dúvidas e contratações, entre em contato conosco pelo nosso WhatsApp.

Se você precisa de um orçamento rápido, temos simuladores em nossos sites, não deixe de conferir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *